REDE DE PROJETOS DA RENDA BÁSICA

Para todos os grupos, ONG e pessoas que querem fazer parte desta rede,

O Instituto ReCivitas é uma OSCIP fundada em 2006 que trabalha com garantias factuais aos direitos humanos aplicadas em políticas públicas independentes.

Desde 2008, desenvolvemos e sustentamos o projeto Piloto de Renda Básica Incondicional em Quatinga Velho, Brasil, projeto reconhecido internacionalmente em estudos e pesquisas de Renda Básica.

Através de parcerias com organizações locais, o modelo Quatinga Velho pode ser replicado em qualquer comunidade do mundo, inclusive com as mesmas dificuldades: com pequenas quantias de capital próprio, sem apoio governamental ou apoio de corporações privadas e alguma solidariedade internacional e apoio.

Decidimos propor esta parceria com todos, especialmente depois do Fórum Social Mundial, por duas razões. Primeiro, porque finalmente percebemos o quanto temos acumulado em conhecimento compartilhável nestes dez anos; Conhecimento que deve ser compartilhado com aqueles que realmente querem realizar as coisas. Em segundo lugar, porque queremos ajudar na construção desses novos projetos, especialmente aqueles que estão mais abertos àqueles que realmente precisam deles. Além disso, para que possamos mudar a direção bastante elitista e fechada que a Renda Básica parece estar tomando, infelizmente - na verdade, uma direção que o mundo como um todo parece estar tomando.

Nossa idéia de renda básica é a universal. Realmente universal. Sem discriminação de qualquer tipo, como de nacionalidade, cidadania ou territorial. Trabalhamos com um modelo de associação aberto que não foi projetado para se expandir, mas restringido por limites geopolíticos, mas multiplicado sem consideração pelas fronteiras, em uma rede internacional de comunidades mantidas pelos próprios povos, de pessoa para pessoa, através do apoio mútuo entre organizações não-governamentais.

É, portanto, dentro destes ideais que apresentamos a nossa proposta inicial. A termos de parceria e cooperação, para que possamos contribuir com a realização de sua renda básica.

De acordo com os termos desta parceria, seríamos responsáveis ​​por fornecer os seguintes recursos:

1. Todo o material disponível sobre o nosso projeto. Isso inclui itens inéditos que, na maior parte, foram inéditos porque são documentos internos e administrativos que são interessantes apenas para a aprendizagem dos métodos e procedimentos operacionais de campo, gerenciamento de projetos e captação de recursos.

2. Uma determinada quantidade de horas livres (a serem determinadas) para o ensino, treinamento e consultoria via Internet para os coordenadores do projeto, onde responderemos a quaisquer perguntas sobre o projeto no Brasil, bem como ajudar no desenvolvimento de soluções que são específicos para o novo projeto.

3. Contribuir financeiramente na medida das nossas possibilidades financeiras atuais. E o que é mais importante: realizar a transferência direta e integral (100%) dos recursos doados através da rede internacional para o projeto.

3.a. O modelo de angariação de fundos que pretendemos compartilhar é o que foi usado para apoiar financeiramente e emancipar nosso projeto.

3.b. O conhecimento e tecnologia social a serem transferidos é exatamente o mesmo que foi apresentado no curso "Empreendedorismo Social e Renda Básica" na UNISA em 2013 - Universidade de Santo Amaro, Brasil.

De seus parceiros, o ReCivitas exigirá um relatório anual de contabilidade e social para o projeto. Com base nisso, renovaríamos nossa contribuição a cada ano subsequente.

  • Facebook - Black Circle
  • Twitter - Black Circle
  • YouTube - Black Circle

Todo conteúdo sob Licença ⒶRobinRight - ReCivitas